quarta-feira, 9 de abril de 2014

A PRIMEIRA REUNIÃO DE PAIS DA ESCOLA CECÍLIA MEIRELES FOI UM SUCESSO. CONTAMOS COM A PRESENÇA DE MUITOS PAIS E ALUNOS. NESTE DIA FORAM APRESENTADOS TODOS OS FUNCIONÁRIOS DA EQUIPE QUE LEVA CONHECIMENTO E EDUCAÇÃO DE QUALIDADE À TODOS OS DISCENTES.











































domingo, 15 de dezembro de 2013

Que o brilho de Natal ilumine todos os dias do Ano Novo,com a mesma intensidade do Amor, da Paz e da Sabedoria.
Boas Festas!!
Escola Cecília Meireles


video

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

É sempre gratificante participar das reuniões entre escola e pais. Quem ganha com isso são os alunos, pois compreendem a importância que os pais dão aos filhos e à escola.

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

 Professores da educação básica que tenham desenvolvido experiências pedagógicas bem-sucedidas nas escolas podem participar do 7º Prêmio Professores do Brasil, promovido pelo Ministério da Educação. As inscrições estão abertas até 30 de outubro. Nesta edição, serão selecionados até 40 trabalhos, oito por região do país.

Para incentivar os educadores a participar do prêmio, o coordenador-geral de tecnologias da educação da Secretaria de Educação Básica (SEB) do MEC, Maurício de Almeida Prado, esclarece que a experiência não precisa ser inédita ou inovadora, mas deve estar bem fundamentada, ser bem executada, bem-sucedida e ter produzido impacto na aprendizagem. “É esse tipo de projeto que o ministério quer conhecer, avaliar e premiar”, explica o coordenador. Até terça-feira, 17, 301 educadores tinham feito inscrição. A expectativa do MEC é ultrapassar três mil participantes.

Os autores dos trabalhos receberão R$ 6 mil, troféus e certificados. Os primeiros colocados em cada uma das oito subcategorias, que serão conhecidos apenas no dia da premiação, terão um adicional de R$ 5 mil. As escolas em que foram desenvolvidas as experiências vencedoras ganharão placa comemorativa.

Podem concorrer ao prêmio professores em exercício nos sistemas públicos de ensino e em instituições comunitárias, filantrópicas e confessionais que mantenham convênio com as redes públicas de educação básica. Os educadores devem relatar projetos com resultados comprovados durante o ano letivo de 2012 ou de 2013, desde que tenham sido fechados até a data de início das inscrições.

As experiências, conforme o regulamento, concorrem nas categorias temas livres e temas específicos. A primeira, abrange as subcategorias educação infantil; séries–anos iniciais do ensino fundamental; séries–anos finais do ensino fundamental; ensino médio. As subcategorias de temas específicos são educação integral e integrada; ciências para os anos iniciais; alfabetização nos anos iniciais do ensino fundamental; educação digital articulada ao desenvolvimento do currículo. Cada educador só pode concorrer com um trabalho.

Inscrição — Na primeira etapa do processo de inscrição, o professor preenche o formulário e o envia pela internet. O relato da experiência é enviado pelos Correios — Sedex ou correspondência normal, com aviso de recebimento. Nos dois casos, o prazo final é 30 de outubro.

Com o relato, segue cópia de documento de identidade e do CPF; atestado da secretaria da escola na qual o projeto foi desenvolvido de que o professor está no efetivo exercício da atividade docente; fotografias e recortes de jornais ou revistas nas quais o trabalho tenha sido divulgado.

No momento de descrever o trabalho, os educadores devem prestar atenção aos critérios de avaliação — clareza e objetividade do relato e do conteúdo, respeito às normas da língua portuguesa, consistência pedagógica e conceitual, atendimento aos objetivos do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE) em itens como sucesso escolar e qualidade da aprendizagem dos estudantes, permanência na escola, inclusão social, racial e digital.

O trabalho e os documentos devem ser enviados para: Prêmio Professores do Brasil – 7ª edição. Programa Núcleo de Estudos de Ciência e Matemática (Pronecim). Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça. Rua Ildefonso Simões Lopes, 2.791, Bairro Sanga Funda. CEP: 96060-290, Pelotas (RS).

Nas duas primeiras edições do prêmio, em 2005 e 2007, participaram professores da educação infantil e dos anos iniciais do ensino fundamental. Em cada edição, houve 20 projetos ganhadores. A partir de 2008, o prêmio foi estendido a toda a educação básica. O número de selecionados subiu para 40.

O regulamento e todas as informações para os concorrentes estão na página do 7º Prêmio Professores do Brasil na internet.

Ionice Lorenzoni
Palavras-chave: educação básica, experiências pedagógicas, professor, prêmio

.http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=19079

sexta-feira, 6 de setembro de 2013


Há muito tempo, os profissionais da educação têm buscado inserir os pais no contexto escolar e, para isso, têm desenvolvido as mais diversas estratégias. Uma delas, inclusive, já faz parte do calendário escolar das unidades de ensino de Parauapebas: trata-se do “Dia da Família na Escola”, momento em que pais e educadores reúnem-se para pensar na melhor forma de juntos, contribuírem para a melhoria da educação.
A instituição realizou o segundo encontro entre família e escola de 2013. Conforme a diretora Rosineide Pires, no primeiro encontro vários serviços foram disponibilizados aos pais e alunos. Já durante o último evento, houve a culminância de diversos projetos desenvolvidos na escola.
“Com o objetivo de estreitar ainda mais os laços entre os pais e a escola e fazer com que a família nos ajude na missão de educar, convidamos os responsáveis pelos estudantes, pela segunda vez este ano, e apresentamos a eles os trabalhos que estão sendo realizados por seus filhos, como produção de livros, projetos desenvolvidos nas  salas de leitura e informática e apresentações culturais”, descreve.
As mães Danielle Barros e Evanuce Ximenes têm filhos matriculados na escola e afirmam estarem presentes na educação deles. “Estou quase todos os dias na escola. Verifico desde comportamento até a aprendizagem. Sou consciente de que a educação começa em casa e de que a escola é uma extensão dela [casa]”, relata Evanuce.
Danielle assegura também que nunca deixou de participar dos eventos realizados pela escola. “Sempre que recebo o convite, estou aqui. E mesmo quando não recebo, também venho para conversar com os educadores”, explica. Ela acrescenta que, dos eventos que a escola realiza, o que merece destaque especial é justamente o encontro entre família e escola. “Eu participei do primeiro encontro e posso garantir: este, de agora, superou. Já estou ansiosa pelo próximo”.
Texto: Messania Cardoso

1º Encontro


































2º Encontro